Buscar
  • Nupeha

DI-NOC, novo revestimento sustentável chega com mais de 600 opções de acabamento ao país

Chega ao Brasil revestimento prático e inovador que está em alta no Japão



Flexibilidade: DI-NOC aplicado no forro colabora com a estética e acústica do ambiente

O DI-NOC faz parte de uma nova geração de produtos ambientalmente responsáveis e promete em quase 700 opções de design mais do que um simples revestimento. É indicado ás novas construções e reformas e pode ser utilizado em todos os tipos de ambientes. Trata-se de um filme vinílico auto-adesivo com espessura de 0,21mm, aplicável em paredes, pisos, forros, fachadas e mobiliário, inclusive em superfícies curvas e já revestidas com outros acabamentos. Miguel Lima, especialista em marketing da área de comunicação visual e arquitetura de interiores da 3M do Brasil, esclarece: “O DI-NOC foi desenvolvido na década de 60 para colecionadores de carros revestirem seus modelos com detalhes próximos à madeira. Essa película que começou como moda entre aficionados por carros, hoje é referência em revestimentos no Japão, que desde a década de 80 já a utilizam”. O DI-NOC possui diversas linhas que se encaixam em diferentes tipos de situações (ambiente externo e interno, áreas molhadas, comunicação visual, etc), em padrões que simulam texturas de pedras, metais, couro, areia e tecidos.


Cases na Ásia e Estados Unidos demonstram que a especificação desse revestimento é abrangente e indicada em hospitais, graças ao seu tratamento antibacteriano (linhas NEOX e Single Color) que ajuda no combate às infecções, facilidade de manutenção e limpesa (água e sabão neutro), instelação rápida sem sujeira, barulho ou cheiro e no fato do DI-NOC utilizar componentes à base de água, evitando alergias. É perfeito para substituir ou complementar acabamentos naturais ou sintéticos mais caros. Lima cita o Tóquio Midtown Complex, lançado pela administradora de imóveis Mitsui Fudosan (Tóquio), que possui um centro médico com aplicação do produto em 70mil m² e 40 tipos de acabamentos e texturas. 



Do teto ao solo, DI-NOC com textura de madeira aplicado nas paredes e mesas

Responsabilidade Ambiental: DI-NOC colabora na obtenção do Selo Verde


Criatividade, tecnologia e rapidez na aplicação imperam no DI-NOC, mas em tempos  de preservação do meio ambiente este produto também apresenta um diferencial no que refere à sustentabilidade.


O DI-NOC é sustentável pela possibilidade de reutilização de mobiliário e alvenarias e também pelo uso de componentes com baixo índice de emissão de COV (composto orgânico volátil); além de possuir certificados referentes ao seu desempenho antibacteriano, não inflamável e com baixos níveis de substâncias nocivas. Segundo a 3M, esses itens contribuem e garantem que o DI-NOC torne-se um elemento que, se corretamente utilizado, adiciona pontos em construções sustentáveis no processo de obtenção do LEED (selo verde) do GBC- Green Building Council.


A Cabe Arquitetura Hospitalar é pioneira na especificação do DI-NOC no Brasil. Para Solange Ribeiro, gerente comercial da Técnica Esquadrias, a Cabe Arquitetura Hospitalar sempre busca novas tecnologias para seus projetos:


"a Cabe desenvolveu para a Técnica um conceito de porta de correr para hospitais muito aplicável em leitos de UTI´s. Além da tecnologia deste sistema, a grande inovação é a aplicação do DI-NOC sobre o alumínio, possibilitando diversos padrões de acabamentos que torna os caixilhos de alumínio mais decorativos, contribuindo para obtenção de ambientes hospitalares mais acolhedores.”


O arquiteto Matheus Takayama, da Cabe Arquitetura Hospitalar, explica as vantagens do produto DI-NOC. “O melhor disso é que ao reformar ou renovar um ambiente, os novos padrões de acabamentos aplicados poderão ser facilmente substituídos no futuro, pois o DI-NOC oferece essa flexibilidade”, afirma Takayama.



PARA SABER MAIS

3M do Brasil Link: 3M DI-NOC

39 visualizações
Núcleo de Pesquisa e Estudos Hospital Arquitetura
Tel.: 11 5584-5277
nupeha@hospitalarquitetura.com.br
© 2020 by cabewebdesign | Publicando
Ícones por: "Research" de monkik; "Smart City" de SBTS2018, "Business" by Freepik, mais em Noun Project and Flaticon.
  • Facebook